26 de Junho de 2022 - Ano 8
NOTÍCIAS
Bizarro
22/05/2022

Jovem da à luz em casa sem saber que estava grávida

Foto: Reprodução

A jovem Amanda Coelho, de 23 anos, deu à luz em sua casa sem saber que estava grávida e não conseguiu registrar seu filho Bruno DiasPor BRUNO DIAS 2 dias atrás

O sonho de várias mulheres pode ser a maternidade. Ser parte do milagre da vida, carregar uma criança em seu ventre, amamentá-la, sentir o vínculo mãe e filho, enfim, são várias coisas que várias mulheres desejam e buscam ter em algum momento. No entanto, por mais estranho que possa parecer, algumas mulheres não sabem que estão grávidas até darem à luz, como foi o caso dessa jovem.

 

A jovem é Amanda Coelho de Jesus, de 23 anos, que ficou apavorada quando deu à luz sua filha enquanto ela estava sozinha em casa e sem saber que estava grávida. O caso aconteceu em Cuiabá, mais precisamente no bairro Silvanópolis, onde Amanda mora junto com sua mãe.

 

De acordo com a mãe da jovem, a cozinheira Naira Rosania Soares Coelho, de 39 anos, quando ela chegou em casa, sua filha disse que a bebê estava no quarto. No momento do parto, foi a própria Amanda quem cortou o cordão umbilical da criança.

 

Veja também

 

Menina de 2 anos com doença rara arranca o próprio cabelo para comer

 

Mulher espera homem sair do motel e “vira onça” em Belém

 

GRÁVIDA SEM SABER

 

 

A mãe da jovem também contou que a filha tem um cisto no ovário e isso deixa a menstruação dela desregulada. Além disso, Amanda tem sobrepeso e por isso ninguém da família percebeu a gravidez.

 

“Quando eu vi a criança, fiquei surpresa, mas claro que apoiei a minha filha. Até porque ela quis ficar com a neném e muitas mães às vezes nem querem os filhos”, disse Naira.

 

Como a família e nem mesmo a futura mãe sabiam da gravidez, a família não tinha preparado nenhum tipo de enxoval ou tinha qualquer roupa que a criança recém nascida poderia usar. Apenas quando a vó da criança recebeu sua aposentadoria que ela comprou as coisas básicas que sua neta precisava, como por exemplo, fraldas e roupas.

 

REGISTRO

 

 

Depois do nascimento, Amanda e Naira foram para um hospital de Cuiabá. Quando chegaram lá, um dos médicos fez todos os procedimentos necessários para ter certeza de que a criança tinha realmente nascido da jovem e fez todos os exames necessários para um recém nascido.

 

Mesmo assim, a jovem e sua filha precisaram ir até o Conselho Tutelar para conseguir um documento que seria essencial para fazer a certidão de nascimento no cartório. Foi quando as duas encontraram um obstáculo. O cartório não acreditou que a filha fosse mesmo de Amanda.

 

“Quando chegamos, o pessoal de lá, o Conselho Tutelar, não acreditou muito que a bebê tinha nascido da minha filha e como precisamos desse documento para registrar a menina, disseram que teríamos que fazer um exame de DNA, só que nós não temos dinheiro para isso”, contou a mãe da jovem.

 

O 3º Conselho Tutelar de Cuiabá, responsável pela região em que a jovem mora, se comprometeu em se pronunciar sobre o caso, mas até o momento não falou nada.

 

POSSIBILIDADE

 

Fotos: Reprodução

 

O caso da jovem chama muita atenção pelo fato de ela não saber que estava grávida. Para a maioria das pessoas pode parecer impossível uma mulher não perceber que carrega um bebê em sua barriga.

 

Contudo, de acordo com a ginecologista Karina Tafner, especialista em endocrinologia ginecológica e reprodução humana pelo Hospital Santa Casa de São Paulo, por mais que todas as mulheres tenham o aumento da barriga durante a gestação, em algumas, o aumento pode ser menor.

 

Além disso, a gravidez silenciosa também pode acontecer em mulheres com ciclos menstruais muito irregulares ou obesas, como é o caso de Amanda. As mulheres com distúrbios hormonais também podem ter ciclos menstruais muito longos, com intervalos de mais de seis meses, isso dificulta em notar a falta de menstruação como um sinal de gravidez.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.

Entre no nosso Grupo de WhatApp e Telegram

 

Karina também pontua que outros sintomas, que são considerados típicos de mulheres grávidas, podem ou não aparecer na gravidez de todas. Ou seja, enquanto algumas mulheres têm náuseas, vômitos e dores, outras não sentem nada disso. Tudo isso faz com que essas mulheres possam passar pelo período da gravidez sem notar que estão carregando uma criança.

 

Fonte: Fatos Desconhecidos

LEIA MAIS
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Acompanhe o Portal do Zacarias nas redes sociais

Copyright © 2013 - 2022. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.