NOTÍCIAS
Interior em Destaque
27/09/2020

Morre no hospital 28 de Agosto o cabo PM agredido e baleado com a própria arma por grupo de homens em Humaitá, interior do Amazonas

Compartilhar:
Foto: Divulgação

Cabo PM Guacebe estava internado no HPS 28 há exatos 20 dias e faleceu no último sábado

Faleceu no sábado, 26, no Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, após vinte dias de internação em estado grae, o cabo da Polícia Militar, Aldison Guacebe.


Ele e um colega de farda haviam sido vítimas de um ataque violento praticado por um grupo de homens no município de Humaitá, distante 591 quilômetros de Manaus em linha reta.


A agressão aos policiais aconteceu na madrugada do dia 6 deste mês de setembro quando o cabo Guacebe e o cabo Jovalino foram atacados por quinze homens.


Veja também


IMAGENS FORTES! Homem é assassinado e mulher grávida é baleada em tiroteio na galeria dos remédios no centro de Manaus. VEJA VÍDEO


Cinco criminosos perseguem e matam homem a pauladas em rua onde acontece intenso tráfico de drogas no bairro Jorge Teixeira, Zona Leste de Manaus


Os agressores haviam participado de uma festa e estavam todos bastante embriagados e drogados, segundo foi apurado pela Delegacia de Polícia Civil de Humaitá.


O cabo Guacebe foi espancado e baleado com um tiro no peito disparado da própria arma que ele estava usando em serviço naquela noite e foi tomada de suas mãos pelos agressores.

 

Quando tentavam se defender um dos cabos baleou um dos homens que veio a óbito no mesmo dia quando era atendido na unidade hospitalar de Humaitá.


A motocicleta que o cabo Guacebe e o cabo Jovelino usavam para atender uma ocorrência de baderna em via pública no Distrito de Auxiliadora, zona rural de Humaitá, foi incendiada pelo grupo agressor.


Três dos envolvidos na agressão foram presos durante diligências realizadas no dia seguinte e um menor de idade foi apreendido.

 

 

Cabo Guacebe foi espancado, baleado e a motociclieta corporação

foi incendiada pelo grupo agressor (Foto: Divulgação)

 

As três armas de fogo da corporação que haviam sido tomadas pelos agressores também foram recuperadas em uma ação conjunta da Delegacia Interativa de Polícia e do 4º Batalhão de Humaitá.


O cabo Guacebe havia sido transferido do Hospital de Humaitá para o Hospital 28 de Agosto em Manaus e ontem veio a óbito.


A Polícia Militar do Amazonas divulgou Nota de Pesar lamentando o falecimento do cabo Aldison Guacebe, do efetivo do 4º BPM/Humaitá e informando que o Serviço Social da corporação encontra-se com a família dando apoio e tomando as providências quanto ao funeral.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram. 

Entre no nosso Grupo de WhatsApp.

 

NOTA DE PESAR DA POLÍCIA MILITAR DO AMAZONAS


É com grande pesar e consternação que a Polícia Militar do Amazonas, informa o falecimento do CB PM ALDISON GUACEBE DE ALMEIDA (SI/PMAM Nº 23180), do efetivo do 4° BPM – HUMAITÁ, na manhã de hoje (26/09/2020 – sábado), no Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, local onde se encontrava internado, vítima de arma de fogo em ocorrência policial militar naquele município.
O Serviço Social e Funeral da PMAM, encontra-se com a família dando apoio e providências quanto ao funeral.

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

LEIA MAIS

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Copyright © 2013 - 2020. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.