25 de Julho de 2024 - Ano 10
NOTÍCIAS
Ciência e Tecnologia
10/06/2024

Qual é o metal mais

Foto: Reprodução

Quando você pensa em algo pesado, o que vem à cabeça? Normalmente, é algo de grandes proporções, difícil de ser movido e feito de algum material específico. Porém, elementos químicos encontrados na natureza também podem ser quantificados dessa forma e existe um integrante da tabela periódica no topo do ranking.

 

Para deixar a questão ainda mais complexa, até mesmo a palavra "peso" é relativa e cheia de significados na Química. Dessa forma, antes de definir qual é o metal que ocupa o lugar mais alto desse pódio, é preciso primeiro estabelecer alguns conceitos e regras para os concorrentes.

 

Veja também

 

Estranho sinal de rádio intermitente do espaço intriga astrônomos

 

O que são 'cookies' na internet e como eles funcionam?

 

METAIS SÃO DENSOS, NÃO PESADOS
 

A densidade leva em conta a união de átomos de um elemento em um determinado espaço. (Fonte da imagem: ACS)

 

Quando nos referimos a peso de forma cotidiana, estamos falando sobre massa — a quantidade de gramas ou quilos de um material, por exemplo. Porém, o cálculo aqui é feito com base em outro aspecto, a densidade.

 

A densidade é o resultado do cálculo entre massa e volume — ou seja, quanto de uma substância fica concentrada em um determinado espaço. Quanto mais denso o material, mais átomos dele ficam juntos em uma área pequena.

 

Esse conceito é diferente também de peso atômico ou massa atômica relativa. Apesar da confusão de nomes, esse é o valor médio da massa dos átomos de um elemento, calculado a partir do equivalente a 1/12 da massa do isótopo 12 do elemento carbono.

 

Para responder ao questionamento em questão, portanto, o mais comum é olhar para os metais mais densos. Mesmo assim, não há uma resposta definitiva e absoluta.

 

QUAL É O METAL MAIS DENSO?

 

O ósmio na Tabela Periódica.

Fotos:Reprodução

 

Levando em conta elementos químicos presentes na natureza e já devidamente estudados, o ósmio (Or) é o metal mais denso. Ele tem 22,6 g/cm³ — o dobro do chumbo, que é um elemento mais comum na natureza e já considerado de densidade elevada.

 

O ósmio é raramente usado na forma pura, mais encontrado misturado com outros metais para criar ligas metálicas usadas em equipamentos cirúrgicos. Ele é seguido na lista pelo irídio, com 22,4 g/cm³.

 

Já o elemento sintético mais denso — ou seja, o produzido em laboratório e não encontrado na natureza é um empate. Os candidatos em questão são o meitnério e o hássio, com uma densidade relativa que chega até a 29 g/cm³. Como ambos se formam durante poucos segundos, entretanto, eles não chegam a ser considerados.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.

Entre no nosso Grupo de WhatAppCanal e Telegram   

 

Por fim, outra resposta inclui fatores adicionais no cálculo, como o elemento químico com o núcleo mais pesado. Nesse caso, a resposta é o oganesson, uma das inclusões mais recentes da tabela períodica. Esse elemento sintético só teve um isótopo produzido e é bastante instável, o que significa que essa não costuma ser a resposta mais precisa. 

 

Fonte:Agência Brasil

LEIA MAIS
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Acompanhe o Portal do Zacarias nas redes sociais

Copyright © 2013 - 2024. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.